Vamos vestir a farda de um Bombeiro?

Qual a melhor forma de energizar a equipa até ao final do ano?
10 Setembro, 2018
Natal na empresa: team building ou team unbuilding?
Natal na empresa: team building ou team unbuilding?
10 Dezembro, 2018

Vamos vestir a farda de um Bombeiro?

Vamos vestir a farda de um Bombeiro?

Na semana em que se comemora o Dia do Bombeiro Profissional relembramos alguns momentos em que os envolvemos nas nossas ações, mesmo sem eles saberem. O nosso objetivo? Homenagear, surpreendendo de forma simples e humilde por tudo o que fazem por nós.

Sabe tão bem quando, com pequenos gestos conseguimos alegrar o dia de alguém não sabe? Gostamos deste tipo de atitudes, mas gostamos de poder fazer muito mais por quem realmente merece, como tal, não podíamos não ter uma das nossas experiências sem os envolver do princípio ao fim!
Sim, é mesmo verdade, nestas nossas dinâmicas conseguimos envolver os bombeiros! No meio de toda a azáfama por que passam quando são chamados – e infelizmente este verão o seu contributo para o nosso bem-estar voltou a estar em risco, entre muitos, no combate às chamas em Monchique – têm sempre que ter a capacidade de resolver EM EQUIPA!

MISSÃO, uma palavra relativamente pequena, mas com um significado maior do que muitas vezes nos damos conta. Será que paramos para pensar nas nossas próprias missões? Será que todos sabemos qual a missão da nossa equipa? Da nossa empresa?
Numa situação como aquelas vividas por estes profissionais, será que a nossa equipa saberia par onde e como caminhar? Será que a nossa liderança sabe para onde e como nos levar, tendo em conta as nossas características?

Vestir a farda de um bombeiro por um dia. Fazer parte da corporação para, num ambiente controlado, vivenciar este espírito e retirar dele o que é necessário para o nosso dia a dia: Trabalho em equipa (interdependência); Liderança; Tomada de decisão; Resistência ao stress; Comunicação interpessoal.

Gostávamos de saber: quem estaria disposto a apagar um incêndio numa edificação? Retirar alguém em apuros de um andar de um prédio? Socorrer uma vítima de uma queda num penhasco? Ou mesmo desencarcerar uma vítima de um acidente de viação… Uma coisa é certa para nós, sabemos que nenhuma equipa que passe por uma experiência destas volta a ser a mesma!